Algumas palavras...

"O Céu é um grande livro, aberto, pelo amor de Deus, à inteligência do homem." Dr. Serge Raynaud de La Ferriè

segunda-feira, 21 de março de 2011

CICLO SOLAR DE 33 ANOS

 
Não apenas nos países cristãos, mas também em muitos outros países (como, por exemplo, a Turquia e o Irã), há uma crença segundo a qual os 33 anos de idade serão felizes ou desastrosos. Na França, tal como em outros países cristãos, essa crença tem como explicação o fato de Cristo ter morrido aos 33 anos de idade, o que influenciou fortemente a imaginação popular. Mas qual a explicação para os países islâmicos? Certamente a razão não é o fato de o templo de Salomão — do maior mágico dos muçulmanos - ter sido destruído ao final de 33 anos. Como ocorre com tantas outras coisas, a explicação é dada pela Astrologia.

A verdadeira razão dessa crença é o fato de o Sol, no final do ciclo de 33 anos, encontrar-se no mesmo dia e no mesmo minuto de longitude, de maneira que, se o indivíduo estiver no local de seu nascimento, sua Revolução Solar terá a mesma orientação celeste do tema natal.


Esse ciclo solar de 33 anos, que desempenha importante papel na orientação do tema anual, parece relacionar-se igualmente com as 33 cúpulas que cercam a cavidade central maior de um altar de oferendas descoberto no templo-palácio de Malha, em Creta, com os 33 dias durante os quais o maná caiu do céu, com os 33 cantos de Dante, com os 33 graus da Franco-Maçonaria, com os 33 deuses atmosféricos dos livros do Zen, com as 33 divindades invocadas nos cantos do Rig-Veda, com os 33 Arhats da hierarquia budista, com os 33 corpos visíveis do Bodhisattva Avalokitesvara - que deram origem (há cerca de um milênio) a uma grande peregrinação japonesa aos 33 santuários - e com o falecimento de Khrishna, aos 33 anos.

Na Antigüidade, a maioria das iniciações realizava-se no equinócio da primavera (isto é, no momento do Retorno Solar que dá início a um novo ano do mundo). Da mesma forma, ninguém recebia a revelação completa antes da idade de 33 anos, que leva as casas individuais ao seu lugar natal. Como vemos, a expressão "segundo nascimento", aplicada aos iniciados, correspondia a uma realidade astrológica. Na tradição islâmica, todos os bem-aventurados que habitam o Paraíso têm 33 anos, ao passo que, na África negra, o trabalho do tecelão (cujo simbolismo é bem conhecido e dispensa comentários) é feito de 33 peças distintas.

Os antigos, que espiritualizaram tantos fenômenos celestes, a começar pelo ciclo do ano, representam cada uma das 33 orientações anuais sucessivas como um caminho místico particular do destino humano. São os 33 caminhos místicos do norte, os quais, segundo os ioguins hindus, conduzem o iniciado à iluminação total e ao seu Thulé, denominado Outrara Kourou, Tchang daminien e Chambhala. Essas 33 orientações anuais vinculam-se às 33 consoantes articuladas do alfabeto sânscrito, que constituem as manifestações do Verbo.

É possível igualmente perceber uma alusão a esse ciclo na festa judaica do Lag ba Omer, o 33º dia do Omer, data presumível da morte do rabino Siméon Bar Yochai, criador da Cabala.

Acaso os 33 toques diários do sino, que despertam às 2 horas da madrugada os monges do mosteiro cristão mais antigo do mundo, fundado no século I d.C. - o mosteiro de Santa Catarina do Sinai, situado a 400 quilômetros da cidade do Cairo — não falam da mesma coisa?

Alexandre Volguine

33 comentários:

  1. Respostas
    1. Desculpe minha ignorância, mas a matemática nem sempre foi calculada como os dias de hj...

      Excluir
  2. O Deus criador onisciente , onipotente e onipresente trabalha sempre em sua matemática arquiteta para sua perfeição infinita , oculta e misteriosa ,a ele a honra e a gloria a adoração para sempre ... amém!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A "matemática arquiteta" é uma ideia errônea, pois a matemática dos números binários demonstra que o número 0 seria algo como inexistente, assim como por exemplo na eletrônica, o número 1 significa que o circuito está ligado, já o 0 significa desligado.
      Logo, Deus seria inexistente pela ideia da "matemática".

      Excluir
    2. É verdade, ele é inexistente, En Sof, o vazio...

      Excluir
  3. Olá. A qual maná vc se refere? Se for o dos judeus, ele caiu do céu por 40 anos, não apenas 33 dias. Há várias outras contradições neste texto, de várias religiões: informações que não constam em lugar algum. Esclareça suas fontes, por gentileza. Ou deixe que as pessoas acreditem cegamente, sem questionar... É esse o intuito? Não, né?

    ResponderExcluir
  4. Gente, nem Dante escapou kkkk! Foram escritos 34 cantos, não 33! Não aceitem cegamente qualquer coisa bonitinha, escrita só pra justificar uma tese. Pesquisem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha querida, todos os 3 "capitulos" da Divina Comedia, todos os 14.233 versos, tem 33 cantos, tanto o inferno, como o purgatório, quanto o paraíso, 34 é apenas no inferno pois conta com a introdução, ou seja, mais 1, ou seja, totalizando 100

      Excluir
  5. A uma série no netflix. Dark que diz tudo sobre esse ciclo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por isso estou aqui pesquisando mais sobre isso.. Rs

      Excluir
    2. Vdd.
      Está série do Netflix trouxe me, inicialmente a este texto acima o qual tem a ver com o filme "A origem", baseado na história onde Ariadne conhece a saída do labirinto do minotauro, onde o início tem ligação com o fim do ciclo.

      Excluir
    3. A série não comprova nada, rsrs.
      É mais uma pseudociência e sensacionalismo, mesmo...

      Excluir
    4. O Templo de Salomão durou 410 anos... estude mais...

      Excluir
    5. O cara usa religião para me dizer que tenho que estudar mais. Quem precisa estudar é você, meu amigo. Abra a sua mente...

      Excluir
    6. Acredita que cheguei aqui nesse blog por causa da série que vc citou, estou assistindo e achando o maximiza série....

      Excluir
  6. Vim até aqui, pelo que foi dito neste filme; E adorei o blog também, mas depois pesquisarei melhor. Obrigada Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá, pessoas. Este texto acredito tenha sido extraído do Livro Revoluções Solares...de Alexandre Volguine. Mas, a série Dark menciona também. Enfim, a informação está aí pra quem quiser, de resto, pesquisem.

    ResponderExcluir
  8. Eu sou conspiratório, não saio acreditando em tudo que leio não, mais levo em conta as mensagens subliminares que essas series sugerem. Acredito que por mais qu tenhamos estudado, somos leigos neste assunto, pões tanto dante quanto maná não passam de crenças e teorias... Agora a questão de tempo e espaço e algo que esta sendo estudado a tempos e creio que nada nus foi revelado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa Godoy, realmente tem bastante misticismo e crenças no texto, mas o que existe de concreto é o sol, e ninguem ainda refutou isso.

      Excluir
    2. Amigo, por favor, não misture o termo "crenças" dizendo que é teoria. Crença é uma coisa, teoria é outra coisa. Crença é referente a religião, teoria e hipótese se referem a ciência. Misturar crença com ciência fere o método científico.
      Assim como Astrologia, não se pode usar a ciência para ter um embasamento nas ideias da Astrologia, pois a ciência sim pelo método científico testa as hipóteses e as comprovam (teoria), diferente da Astrologia, que não há nenhuma comprovação pelo método científico.

      Excluir
  9. Astrologia é uma pseudociência, por não haver nada comprovado pelo método científico! Não deve ser e nunca ser usado a ciência como base para estudos da Astrologia.
    E amigo que escreveu o artigo, por favor, coloque a fonte... Hoje em dia está cheio de "fake news", e o sensacionalismo dos sites de notícias está cada vez pior.

    ResponderExcluir
  10. Alex Douglas Severo Vieira, científica ou religiosamente és um chato!

    ResponderExcluir
  11. Tô aqui pelo o Dark e não obtive respostas, só entrando numa caverna pelo o visto ... Eu emmm

    ResponderExcluir
  12. Tô aqui pelo número 33, que vejo tanto, tanto mesmo. Eu sei lá. Só sei que não gosto dele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Patty qual a razão de não gostar desse número? Por exemplo, é o 33o Arcano - 4 de Paus (A Aliança) que tem um ótimo presságio = Realização, empresas sérias e estáveis e etc...

      Excluir
    2. Veja em http://tarotoraculomilenar.blogspot.com.br/2011/06/arcano-33-alianca-4-de-paus.html

      Excluir